Compartilhe esse Post
na suas redes sociais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Administrar a inadimplência: garanta a saúde financeira do seu negócio.

Este é um tema preocupante, porém recorrente em grande parte dos negócios e por consequência, pode até provocar sérios prejuízos, como ações de expansão,  pagamentos dos fornecedores e funcionários, impactos na saúde financeira e demais fatores que influenciam diretamente no fluxo de caixa.

Por isso, é sempre muito importante minimizar essa situação e buscar incansavelmente reduzir o surgimento de clientes inadimplentes por meio de estratégias eficientes e que proporcionem bons resultados.

Pensando nisso, elaboramos este post para mostrar como essa prática pode ser implementada. Então, continue a leitura e acompanhe!

O que minha Empresa pode fazer para administrar a inadimplência dos clientes?

Evitar a inadimplência começa com a definição de processos e diretrizes internas que irão direcionar as suas ações em seu processo de análise de crédito que normalmente chamamos de política de crédito. 

Com mais de 40 anos no mercado, nós da ABE separamos algumas excelentes dicas de como desenvolver tais políticas internas e que são bastante eficazes quando colocadas em prática.

Saiba quem são seus Clientes

É importante ter um cadastro com as informações importantes sobre os Clientes, com os dados pessoais, endereços, potencial de crédito, histórico de compras, entre outros. 

Essas informações servirão como base para realizar o contato com os inadimplentes num futuro, caso o compromisso financeiro não seja honrado em dia, oferecendo propostas e acordos amigáveis para a quitação do débito. 

Implemente uma boa análise de crédito

Uma boa análise de crédito precisa levar em consideração os seguintes aspectos:

  • histórico de compras;
  • situação do CPF junto aos órgãos de proteção ao crédito;
  • renda mensal etc.

Com estas informações, fica mais fácil identificar a intenção do cliente de pagar, pois, se ele tem o nome limpo, a tendência é que ele continue seguindo o mesmo caminho, e a sua capacidade de honrar com o compromisso seja maior.

Monitore frequentemente as informações sobre pagamento dos clientes

Esse controle é fundamental para que seja possível entender a movimentação do fluxo de caixa e identificar eventuais divergências nos valores. 

Desta forma, é possível identificar de forma rápida algum pagamento que não foi realizado. Isso te ajudará a administrar a inadimplência, e também viabilizará a elaboração de ações para reaver a quantia que ainda não foi paga.

Ter um parceiro para realizar negociações amigáveis

administrar a inadimplência

Empresas passam por dificuldades e é possível que você tenha alguns clientes inadimplentes, por isso é essencial saber como negociar. Na hora da cobrança, é preciso descobrir o motivo do atraso no pagamento.

São várias as razões que podem provocar a inadimplência, tais como: falha na entrega do serviço; desorganização; mercadoria com defeito; problemas com o fluxo de caixa entre outros.

É preciso mostrar que entende a situação do cliente e que está disposto a simplificar o pagamento para que ele possa realizá-lo dentro de suas condições. Muitas vezes, algumas pessoas querem pagar, só que não dispõem do valor total de imediato, ou querem tentar negociar, para não arcar com tantos juros.

Tão importante quanto fazer um Cliente inadimplente quitar a sua dívida, é mantê-lo como consumidor da sua Empresa.

Oferecer vantagens de um pagamento realizado no prazo e cobrar a dívida de uma forma sutil, sem desrespeitar o Cliente, são algumas das boas estratégias que colocamos em prática para mantê-lo em sua Empresa e não cometer a inadimplência novamente.

Facilite o pagamento

Além do pagamento do débito à vista, é fundamental pensar em alternativas.

Nós da ABE oferecemos, por exemplo, a cobrança via cartão de crédito, onde o credor tem a possibilidade de dividir sua pendência financeira. Assim, o cliente evita ficar em atraso e nossos Clientes têm o recebimento garantido.

Se as formas de pagamento foram facilitadas, as possibilidades dos clientes inadimplentes aceitarem um acordo aumentam. 

Tenha uma equipe capacitada e eficiente

Se a empresa possui sua própria equipe de cobrança, é necessário ter a certeza que os colaboradores são bem treinados. Recomendamos que eles entendam quais são os valores que devem ser quitados e conheçam bem o Código de Defesa do Consumidor, além de proporcionar um atendimento cordial e respeitoso, sem causar constrangimentos ao cliente.

Contrate um serviço de cobranças terceirizado

Caso tenha muitos clientes e não conte com uma equipe preparada para realizar as cobranças, a melhor opção é contratar um serviço especializado no assunto. 

Isso ajudará (e muito!) a empresa a focar nas suas atividades e deixar que esses problemas sejam solucionados por profissionais experientes, capacitados e com os meios e habilidades necessários para fazer uma cobrança eficiente.

Valorize os bons pagadores

Para administrar a inadimplência, uma das ações mais comuns é implementar descontos para pagamentos em dia, assim, o cliente é motivado a pagar na data definida. Uma outra maneira de implementar essa valorização é fornecendo cupons de desconto para compras futuras. Dessa forma, além de diminuir o índice de inadimplência, ainda consegue estimular uma nova compra.

Se os incentivos forem interessantes para o cliente, ele buscará quitar suas dívidas no prazo adequado, minimizando, assim, as taxas de inadimplência.

Acha que é possível implementar estas ações e administrar a inadimplência em sua empresa? Não espere para colocá-las em prática e garantir a saúde financeira do negócio. 

Gostou deste conteúdo? Siga a ABE pelas redes sociais!

Deixe Seu Comentário